Orçamento para 2022 prioriza Saúde, Educação e Segurança

Orçamento 2022
Governo propõe salário mínimo de R$ 1.502 em 2025
Policial militar morre após perder controle de moto e ser atropelado por uma caçamba em Boa Vista
Motociclista morre após ser atingido por carro dirigido por jovem bêbado no Sul de Roraima
Desenvolve RR faz prospecção de clientes durante feira em Normandia

O orçamento do Governo de Roraima para 2022 foi aprovado com receita estimada em R$ 5,4 bilhões. O valor representa um crescimento de 25% em comparação à Lei Orçamentária Anual (LOA) do ano passado, que teve R$ 4,3 bi para gerenciamento da máquina pública.

Do valor total para 2022, deduzindo as contribuições previdenciárias, que somam R$ 301,3 milhões, e R$ 219,1 milhões de outras parcelas definidas legalmente, tem-se o valor da receita corrente líquida (RCL) estimada para este ano em quase R$ 5 bilhões.

“Nosso foco é aplicar os recursos públicos de acordo com as principais prioridades do Estado, sempre com transparência e responsabilidade. Organizamos as contas públicas, e, por isso, o Estado está crescendo e a vida do cidadão roraimense está melhorando”, disse o governador Antonio Denarium.

Com R$ 1,1 bilhão, a Educação foi o setor que ficou com a maior parte do orçamento. Em seguida vem a Saúde, com R$ 930 milhões, e Segurança Pública, com R$ 567 milhões. Somadas, as despesas dos três setores representam 44% do total das despesas públicas de 2022.

Por outro lado, as despesas estão fixadas em R$ 5,9 bilhões, 11% a mais do que o valor constante da LOA de 2021, gerando um déficit de R$ 500 milhões.

“Vamos fazer um contingenciamento de R$ 500 milhões para cobrir o déficit, o que deverá ocorrer de forma proporcional em cada Secretaria”, explicou o secretário adjunto da Seplan (Secretaria do Planejamento e Orçamento), Diego Prandino.

Prandino explicou ainda que R$ 3,4 bilhões das receitas orçamentárias são compostas por transferências da União e R$ 1,8 bilhão são de receitas próprias.

“Em anos anteriores a arrecadação do Estado era deficiente. O Governo tem fomentado a economia, atraindo indústrias e investidores, o que aumentou a arrecadação. Ainda dependemos muito de repasses da União, porém o trabalho que vem sendo feito já apresenta resultados”, explicou Prandino.

Fonte: Secom Roraima

Está gostando do conteúdo ? Compartilhe!

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Telegram
Email
Print

Confira mais ...

PF deflagra operação para combater desvio de recursos da Secretaria Estadual de Saúde de Roraima
Polícia Civil prende homem condenado por estupro de crianças
Abertas vagas para processo seletivo de bolsistas para Embrapa RR
Polícia Civil cumpre cinco mandados de prisão preventiva contra acusados de homicídio em Alto Alegre
FICCO-RR PRENDE UMA PESSOA POR TRÁFICO DE DROGAS EM BOA VISTA
Polícia Civil cumpriu mandados de prisão e apreensão para esclarecer morte de casal
PL que altera lei de regularização fundiária de Roraima possui 37 emendas propostas por comissão especial da ALE-RR
Polícia Civil esclarece fraude Imobiliária, localiza suspeito de estelionato e apreende veículos