960x300 (1)

Juventus anuncia contratação de volante da Seleção Brasileira

Prefeitura lança edital de chamamento para área de alimentação do festival Mormaço Cultural
Banco Central comunica vazamento de dados de 39 mil chaves Pix
Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 9 milhões
Mega-Sena sorteia nesta terça-feira prêmio estimado em R$ 120 milhões

A Juventus anunciou, neste domingo (30), a contratação do volante brasileiro Douglas Luiz, que estava no Aston Villa, da Inglaterra. O jogador de 26 anos assinou com o clube italiano até junho de 2029, em contrato válido por cinco temporadas.

Este é o primeiro reforço da Velha Senhora após a chegada do treinador Thiago Motta. Para contratar o meio-campista brasileiro, que está com a Seleção na disputa da Copa América, a Juventus precisou desembolsar 28 milhões de euros, aproximadamente R$168 milhões.

Além disso, os italianos cederam ao clube da Premier League o meia argentino Enzo Barrenechea, de 23 anos, que estava emprestado ao Frosinone; e Samuel Iling-Junior, atacante inglês de apenas 20 anos.

Para finalizar o acerto com a Juventus, Douglas Luiz precisou da liberação da CBF para realizar os exames médicos em Las Vegas, onde está para disputa da Copa América. Na Itália, o meio-campista fará companhia a Bremer e Danilo, companheiros de Seleção.

Fonte: CNN

Está gostando do conteúdo ? Compartilhe!

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Telegram
Email
Print

Confira mais ...

TSE vai enviar observadores para eleições na Venezuela
Secretaria Especial da Mulher da ALE-RR já confeccionou 30 perucas este ano e segue com arrecadação de cabelos
Ministério Público denuncia policial penal pela morte de agente de saúde
Grupo Galpão realiza oficinas de teatro gratuitas em Boa Vista
Programa de Defesa dos Direitos Humanos e Cidadania da Assembleia Legislativa participa de seminário sobre tráfico de pessoas e a proteção à criança
Polícia Civil apreende cocaína e munições com garimpeiro
Inscrições no processo seletivo para contratação de técnico especializado em Língua de Sinais vão até 17 de julho
Argentina vence a Colômbia e se torna a maior campeã da Copa América