Defensoria Pública de Roraima Intervém para Melhorar Condições de Vida no Loteamento Sol Nascente

Governo propõe salário mínimo de R$ 1.502 em 2025
Policial militar morre após perder controle de moto e ser atropelado por uma caçamba em Boa Vista
Motociclista morre após ser atingido por carro dirigido por jovem bêbado no Sul de Roraima
Desenvolve RR faz prospecção de clientes durante feira em Normandia

Até recentemente, a perspectiva de regularização da infraestrutura no loteamento Sol Nascente, localizado na região do bairro João de Barro, parecia um horizonte distante. Cerca de 40 famílias enfrentavam condições precárias, com a falta de água e energia elétrica, tornando suas vidas extremamente desafiadoras. No entanto, um raio de esperança surgiu graças ao apoio incansável da Defensoria Pública de Roraima (DPE-RR).

Parte dos moradores teve a oportunidade de se reunir com o defensor público-geral, Oleno Matos, e o subdefensor-geral, Natanael Ferreira, para expor a angustiante situação em que viviam. O encontro contou com a presença do vereador Bruno Perez e do representante do Conselho das Cidades, Ricardo Mattos, ambos cientes da gravidade do problema.

O defensor público-geral, Oleno Matos, destacou que essa é uma questão humanitária que exige uma atenção especial por parte da instituição. Após essa reunião, a Defensoria já iniciou conversações com a Roraima Energia, Companhia de Águas e Esgotos de Roraima (CAER), Empresa de Desenvolvimento Urbano e Habitacional (Emhur) e a Construtora & Imobiliária – Terra Brasil RR, responsável pelo loteamento. As negociações estão avançando em direção à resolução do problema.

“Esta é uma situação de extrema importância. Precisamos abordá-la com compaixão, pois mais de 40 famílias naquela localidade, incluindo crianças, estão sem energia e água. A DPE-RR deve agir de maneira decisiva. Além disso, também trabalharemos com a empresa para assegurar que ela cumpra integralmente os termos dos contratos de compra dos terrenos no loteamento”, concluiu Matos.

A ausência de documentação adequada, uma vez que os terrenos não foram devidamente registrados em cartório, é a principal razão que impede a regularização dos serviços básicos. O vereador e jornalista Bruno Perez, que visitou os moradores junto com Ricardo Mattos para avaliar a situação de perto, destacou que a reunião com a Defensoria representa um impulso adicional no esforço para resolver os problemas dessas famílias.

“Fomos ao local, testemunhamos de perto as dificuldades e agora buscamos o auxílio da DPE para dar peso e legalidade à resolução dos problemas relacionados à água e energia elétrica. Esses moradores precisam de condições básicas de vida que lhes faltam atualmente. Queremos resolver essa situação o mais rapidamente possível, envolvendo todas as partes interessadas, incluindo a empresa, a Emhur, a Roraima Energia, CAER e, agora, a Defensoria, juntamente com a intervenção da justiça, se necessário”, disse Perez.

Seu Elói, um morador do bairro, enfatizou a realidade diária da falta de infraestrutura básica. “Lá, temos muitas crianças, e aproximadamente cinquenta casas nessa localidade. O carro-pipa do governo passa apenas uma vez por semana para fornecer mil litros de água para cada família, essa é a única assistência que recebemos atualmente”.

Está gostando do conteúdo ? Compartilhe!

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Telegram
Email
Print

Confira mais ...

PF deflagra operação para combater desvio de recursos da Secretaria Estadual de Saúde de Roraima
Polícia Civil prende homem condenado por estupro de crianças
Abertas vagas para processo seletivo de bolsistas para Embrapa RR
Polícia Civil cumpre cinco mandados de prisão preventiva contra acusados de homicídio em Alto Alegre
FICCO-RR PRENDE UMA PESSOA POR TRÁFICO DE DROGAS EM BOA VISTA
Polícia Civil cumpriu mandados de prisão e apreensão para esclarecer morte de casal
PL que altera lei de regularização fundiária de Roraima possui 37 emendas propostas por comissão especial da ALE-RR
Polícia Civil esclarece fraude Imobiliária, localiza suspeito de estelionato e apreende veículos