Servidores federais paralisam atividades para cobrar reajustes nesta terça,18

Servidores paralisam atividades nesta terça
Governo propõe salário mínimo de R$ 1.502 em 2025
Policial militar morre após perder controle de moto e ser atropelado por uma caçamba em Boa Vista
Motociclista morre após ser atingido por carro dirigido por jovem bêbado no Sul de Roraima
Desenvolve RR faz prospecção de clientes durante feira em Normandia

Às vésperas de expirar o prazo de sanção do Orçamento de 2022, servidores de pelo menos 40 categorias preparam um movimento de paralisação nesta terça-feira (18) por reajuste salarial. Em Brasília, eles prostestam durante a manhã, em em frente a sede Banco Central e às 14h no Ministério da Economia. Também acontecem atos em outras capitais como Recife e Salvador.

A previsão é de que participem por volta de mil servidores. A quantidade reduzida se dá em razão do avanço dos casos de influenza e de covid-19 na capital federal. Ao todo, pelo menos 30% dos servidores deverão trabalhar para não travar totalmente o expediente e resguardar o movimento.

Segundo líderes sindicais, este é o primeiro dia de protesto. Espera-se ainda a realização de mais dois atos em janeiro nos dias 25 e 26. A categoria também prevê uma greve para fevereiro, caso não haja acordo com o governo de Jair Bolsonaro.

O grupo reivindica hoje reajuste médio de 27,2% na folha para compensar a perda inflacionária dos últimos anos.

Fonte: Congresso em Foco

Está gostando do conteúdo ? Compartilhe!

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Telegram
Email
Print

Confira mais ...

PF deflagra operação para combater desvio de recursos da Secretaria Estadual de Saúde de Roraima
Polícia Civil prende homem condenado por estupro de crianças
Abertas vagas para processo seletivo de bolsistas para Embrapa RR
Polícia Civil cumpre cinco mandados de prisão preventiva contra acusados de homicídio em Alto Alegre
FICCO-RR PRENDE UMA PESSOA POR TRÁFICO DE DROGAS EM BOA VISTA
Polícia Civil cumpriu mandados de prisão e apreensão para esclarecer morte de casal
PL que altera lei de regularização fundiária de Roraima possui 37 emendas propostas por comissão especial da ALE-RR
Polícia Civil esclarece fraude Imobiliária, localiza suspeito de estelionato e apreende veículos