960x300

SERVIÇO PÚBLICO Comissão da ALE-RR debate dificuldades de nomeação de aprovados do concurso da Polícia Penal

Revisão de dados indica recuo em número de jovens nem-nem
Governo propõe salário mínimo de R$ 1.502 em 2025
Policial militar morre após perder controle de moto e ser atropelado por uma caçamba em Boa Vista
Motociclista morre após ser atingido por carro dirigido por jovem bêbado no Sul de Roraima

A Comissão Especial da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR) realizou, nesta segunda-feira (03), uma reunião para discutir os trâmites documentais de vacâncias da Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania (Sejuc) e as novas nomeações de policiais penais. O encontro foi presidido pelo deputado Rarison Barbosa (PMB) e contou com a participação de Marcinho Belota (PRTB, vice-presidente da comissão), Jorge Everton (União) e Renato Silva (Podemos).

O assunto da reunião tratou do pedido de nomeação dos candidatos aprovados no concurso da Polícia Penal, que fizeram o curso de formação há quase dois anos e até o momento ainda não foram convocados. De acordo com Rarison Barbosa, há 51 cargos vagos da carreira policial para fins de convocação imediata.

Entretanto, a discussão entre parlamentares, representantes dos candidatos aprovados e gestores da administração do governo de Roraima focou-se na decisão judicial que proibiu novas convocações, bem como no percentual máximo de gastos com pessoal que o Estado deve seguir, conforme a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

“Nossa reunião foi bem proveitosa hoje. A comissão especial da ALE-RR vai solicitar o cancelamento da decisão judicial, fato que atrapalha a nomeação dos novos policiais. Além disso, faremos uma visita ao Tribunal de Justiça para tratar desse assunto e enviaremos um documento pedindo um relatório do Tribunal de Contas do Estado para se manifestar sobre o percentual da LRF”, informou Deputado Rarison Barbosa sobre os próximos passos da comissão.

O secretário de Planejamento e Desenvolvimento de Roraima (Seplan), Rafael Fraia, destacou que o encontro possibilitou apresentar o panorama que dificulta as convocações do concurso público. “Temos esses empecilhos para a nomeação, mas o positivo é que a reunião foi frutífera e uniu os Poderes Executivo e Legislativo para compreender as dificuldades dos candidatos. Dessa forma, vamos partir em busca da solução”, disse.

O titular da Sejuc, Hércules Pereira, disse que a pasta está de portas abertas para discutir o assunto e que a efetivação das convocações contribuirá para suprir as demandas da secretaria.

A atividade do policial penal é indispensável. Então, quanto mais efetivo a gente tem, mais unidades vai inaugurar no futuro. Além disso, esse efetivo vem também para reforçar novas unidades que estão em andamento”, completou Pereira.

A esperança da nomeação no cargo de policial penal foi renovada por meio da contribuição da ALE-RR, conforme explicou a representante da comissão de candidatos aprovados, Taylla Rodrigues.

“Percebemos que os deputados estão empenhados na nossa causa e, por isso, gostaria de agradecer a eles por ter nos acolhido e mostrado que estão mesmo em busca de resolver o nosso problema. Estamos muito felizes e confiantes de que agora vai dar tudo certo”, pontuou Taylla.

No Flickr da Assembleia Legislativa, são encontrados os registros fotográficos da reunião da comissão legislativa. O acesso é por meio do link https://www.flickr.com/photos/alrr/albums/.

Fonte: ALE – RR

Está gostando do conteúdo ? Compartilhe!

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Telegram
Email
Print

Confira mais ...

Sindicatos de servidores estaduais solicitam apoio de presidente da ALE-RR para reajuste salarial
PRF prende motorista por Uso de Documento Falso no Cantá
Assembleia Legislativa cria comissão especial para apurar indícios de irregularidades no Governo de Roraima
População pode sugerir prioridades de investimento para Roraima
Prefeitura inicia pesquisa com motoristas de veículos particulares e de carga em Boa Vista
Seleção brasileira treina em Orlando, onde enfrenta os EUA na quarta
Iniciam amanhã as inscrições para os novos cursos de ensino a distância da Escola do Legislativo
PF prende duas pessoas por crimes ambientais e porte ilegal de arma de fogo em Roraima